Segurança hoteleira: Engenharia Social e seus riscos para a hotelaria

Crime diretamente ligado à segurança hoteleira, a engenharia social apresenta riscos para donos de  hotéis e pousadas, que precisam se cercar de cuidados para que suas propriedades não sejam alvo de criminosos dispostos a ter acesso a dados sensíveis dos seus hóspedes. 

Esse tipo de crime pode ser enfrentado com a adoção de boas práticas de segurança que devem ser compartilhadas e adotadas por toda a equipe do seu hotel ou pousada. 

Quer saber quais são os principais riscos que o seu hotel corre e como fazer para enfrentar essa ameaça? Fique com a gente até o fim deste artigo!  

Como a segurança do seu hotel pode ser burlada pela engenharia social 

Toda a estrutura de segurança hoteleira da sua propriedade pode ser colocada à prova por um engenheiro social, que nada mais é do que um criminoso com habilidade incontestável de extrair informações sigilosas do seu hotel. 

Normalmente esses criminosos atuam de maneira bastante persuasiva e profissional, se passando por hóspedes ou até funcionários do hotel para conseguir informações ou até mesmo ter acesso ao sistema do seu hotel. 

Veja como criminosos agem para acessar dados do seu hotel

Em geral, eles costumam se valer da boa fé de funcionários ou proprietários de hotéis e pousadas que cedem a pedidos de acesso a sistemas e computadores, se passando por prestadores de serviços terceirizados ou parceiros comerciais dos estabelecimentos.

É comum que esse tipo de golpe ocorra fora do horário comercial, quando o fraudador fica menos exposto à checagem de autenticidade.

Com acesso aos servidores dos hotéis e pousadas, o fraudador burla todo o sistema de segurança do seu hotel, captura senhas de e-mails e sistemas, conseguindo  com isso ter acesso a todas as informações confidenciais de reservas, dados pessoais, cartões de hóspedes e etc. 

Com o intuito de minimizar esse tipo de fraude, empresas de tecnologia hoteleira têm desenvolvido diversas soluções de segurança hoteleira, a exemplo de  token dinâmico de identificação para colaboradores, dupla segurança em logins  feitos nos  software de tecnologia hoteleira e token para liberação da visualização de dados importantes armazenados nos servidores dos hotéis, a exemplo do cartão de crédito de hóspedes. 

Essas tecnologias são fundamentais para garantir a segurança de proteção de dados do seu hotel ou pousada. 

Nesse sentido, vale ressaltar a importância de ter parceiros comerciais preocupados com a segurança do seu estabelecimento, que possuem em seu sistema as principais certificações de  segurança do mercado de tecnologia hoteleira, como a PCI Compliance e muitas outras. 

Confira: Tudo sobre LGPD e seus impactos na hotelaria

Agora que você viu algumas das estratégias adotadas por criminosos, vamos listar  algumas dicas valiosas de Leonardo Silveira, CEO da Foco Multimídia,  para garantir a segurança das informações do seu hotel:  

  • Não dê acesso remoto a nenhum prestador de serviço sem que esteja previamente agendado. Normalmente esses acessos ocorrem com programadas do tipo Anydesk e outros; 
  • Formatar os servidores imediatamente após identificar que você sofreu um golpe; 
  • Alterar as senhas de todos os sistemas e também da sua conta de e-mail; 
  • Ativar uma dupla autenticação de segurança para se logar nos sistemas, e-mails ou visualizar dados de cartões de crédito; 
  • Ativar uma integração de venda 100% online em todos os canais, dispensando a necessidade de que os dados do cartões sejam armazenados no software do hotel; 
  • Crie usuários dos seus sistemas de gestão hoteleira e vendas (motor de reservas, PMS, Gestor de Canais) com perfis de acesso bem definidos, dando permissão a informações confidenciais dos seus hóspedes  apenas para colaboradores responsáveis por processar pagamentos; 
  • Capacite toda a sua equipe, incluindo recepção, reservas, comercial e qualquer colaborador com acesso aos seus computadores, alertando para os riscos de fraudes e tentativas de invasão do sistema do seu hotel; 
  • Revise o padrão de senhas utilizadas em sistemas que armazenam dados sensíveis que podem ser alvos de um ataque. Utilize padrões com letras ( maiúsculas e minúsculas), números e caracteres especiais com ao menos 8 dígitos.

Então, agora que você já sabe quais principais cuidados deve ter para manter a segurança de dados do seu hotel, é hora de analisar quais os pontos vulneráveis da sua propriedade. Mão na massa!

Precisando realizar a transformação tecnológica do seu hotel ou pousada?
Agende agora uma consultoria gratuita com nossos especialistas!




    Jornalista e produtor de conteúdo especializado em tecnologia hoteleira

    Deixe uma resposta:

    Seu endereço de e-mail não será publicado.

    Sliding Sidebar

    Curta nosso Facebook

    Facebook Pagelike Widget
    Receba nossa Newsletter
    Fique por dentro das novidades do mercado hoteleiro!